segunda-feira, 5 de abril de 2010

Sangue que pulsa nas veias

No post anterior, ironicamente falei sobre controle.
Sei que de nada adianta ficar ansiosa, mas existem algumas coisas que simplesmente não consigo controlar.

Acontecimentos políticos desta semana fazem o meu coração quase sair pela boca, pois podem decidir a minha vida profissional.
Cada aviso de e-mail recebido ou toque ao telefone é acompanhado de taquicardia.
Não deveria ser assim ... mas tenho sangue que pulsa nas veias, e existem coisas que infelizmente (?) não consigo controlar.

11 comentários:

Wanderley Elian Lima disse...

É existem coisas que realmente são incontroláveis, a gente não consegue segurar a onda.
Se cuide
Bjs

Ricardo Pancho disse...

controle é desnecessário... prefiro exercitar minha fé... e deixar rolar...

Daniel disse...

É difícil controlar porque erramos para aprender. Essa é a ordem correta. Quanto mais passamos por essas coisas, mais aprendemos a controlar o que temos que controlar, pois nosso coração nos diz o que quer da gente, mas a cabeça (razão) nem sempre atende ao coração. Ou é o contrário?
rsrs
Beijos

Luciano Braz disse...

Canalisar, processar, fazer como que nossas emoções trabalhem a nosso favor ... eis o segredo ...
como estas muleka ? abraço, tava com saudades deste lugar !

Luciano

Older disse...

Controla muito não, se tranque numa sala e grite prá extravasar, acumular emoções pode ser ruim.
Bjs e boa semana.

K. disse...

Eu tb sou meio assim amiga...tento ter o controle de tudo e o que não consigo me perturba, mas tem que ser leve...mais leve...ou leve na medida do possível. Monte de beijos, K.

Bonequinha de Luxo disse...

Oi,Jou
Ai,que saudades daqui!
Adoooro tudo que vc escreve.
Estou voltando,aos poucos,mas estou.....rs
Bjus

Vavá disse...

E o pulso ainda pulsa...
Enquanto as coisas ainda nos incomodam ou emocionam é sinal que ainda temos vontade de lutar e mudar. Mantenha-se assim, presente e alerta. Sempre.
Beijocas.
Precisamos de combinar alguma coisa logo.

Hod disse...

Olá Jou passando pra conhecer. Realmente alguns eventos ficam totalmente fora de nosso controle.

Oportunamento retorno à estas atmosferas.

Forte abraço,

Hod.

Denise disse...

Queridona

acho que o segredo é NAO controlar e se permitir sentir,logico q com equilibrio,pq independente da sua taquicardia ou não o q tiver q acontecer ja aconteceu rs

relaxa e aproveite a jornada

carinhos relaxantes

Luciana P. disse...

Existem pessoas mais impulsivas e temperamentais do que outras. Eu me enquadro na primeira categora. Sempre me envolvo demais nas coisas e acabo com taquicardia por quase tudo. Controlar é difícil, complicadíssimo.
Esse sangue latino é que nos mata, rsrsrs.

Vou me atualizando aos poucos, estou sem muito tempo por esses dias.
Beijos e uma ótima semana pra ti!